Vinho de Dente-de-leão.


Ingredientes:
7g de levedura de cerveja desidratada
1/4 de xícara de água morna
230g de dentes de leão inteiros
230g apenas das pétalas pode deixar o vinho menos amargo. 
4 litros de água
1 xícara de suco de laranja
3 colheres de sopa de suco de limão fresco
3 colheres de sopa de suco de lima fresca
1/2 xícara de chá de gengibre em pó
3 colheres de sopa de casca de laranja ralada; evite ralar a parte branca
1 colher de sopa de casca de limão ralada; evite ralar a parte branca
6 xícaras de açúcar

Modo de preparo:
1) Lave e limpe bem as flores. Pense nelas como uma fruta ou uma verdura: você não quer insetos ou sujeira na sua comida. Remova todas as partes verdes.
2) Deixe as flores de molho por dois dias.
3) Coloque as flores nos quatro litros de água, juntamente com os sucos de lima, limão e laranja.
4) Adicione o gengibre, cravo, casca de laranja, casca de limão, açúcar e mexa bem. Ferva a mistura por uma hora. Isso vai criar a infusão que mais tarde se tornará vinho depois de fermentada.
5) Filtre por meio de filtros de papel (Recomenda-se filtros de café). Deixe a infusão esfriar por algum tempo.
6) Coloque a levedura enquanto a infusão ainda está quente, mas abaixo de 38°.
7) Cubra a mistura e deixe de lado de um dia para o outro.
8) Despeje o líquido em garrafas, faça alguns furos em uma bexiga e coloque-a sobre as tampas das garrafas para criar uma câmara de ar comprimido para afastar as leveduras selvagens e armazene-as em um local escuro por pelo menos três semanas para que possam fermentar. A essa altura, você já tem vinho.
9) Troque o vinho de recipiente várias vezes(opcional). Espere até que o vinho decante, e então despeje o líquido em outro recipiente, deixando o sedimento no fundo do primeiro
10) Coloque rolhas nas garrafas e armazene-as em um local fresco. Deixe o vinho envelhecer. A maior parte das receitas recomenda esperar pelo menos seis meses, de preferência um ano.

Dicas:
  • Pode levar mais de três semanas para que seu vinho fermente se a temperatura da sua área de armazenamento for gelada. Mas tenha em mente que fermentação em climas acima de temperatura ambiente pode mudar o sabor do vinho e resultar em níveis mais altos de álcool fúsel, o qual é conhecido por contribuir para ressaca. Temperaturas mais quentes podem causar muitos outros problemas como sabor forte de levedura, odores rançosos e contaminação bacteriana. Geralmente a fermentação deve ser feita em temperatura ambiente ou mais frio (de 10-24°).
  • A pasteurização usa 60° por 22 minutos ou 50° por 40 minutos para evitar a mudança das características do vinho.
  • Colhas as flores logo antes de começar a cozinhar para que sejam usadas frescas. Elas estão completamente abertas ao meio-dia. Você também pode congelar as flores imediatamente após a colheita e despetalar logo antes de preparar o vinho. 
  • Essa receita produz um vinho leve que fica bem com salada verde ou peixe assado. Para deixar o vinho mais encorpado, coloque adoçantes, frutas passas, tâmaras, figos, damascos ou ruibarbo. 


Fonte: Wikihow