Idealize Conscentia. (Ideia)


Gerar idéias é uma fase crucial do processo criativo, mas não é a única e nem a parte final. Decidir o que fazer com as ideias geradas, quais aproveitar e quais colocar de lado, é também uma atividade importante e crítica no processo de solução de problemas. Terminada a fase criativa, podemos ter algumas dezenas de ideias para examinar e selecionar. Neste ponto, a tendência natural é fazermos uma comparação entre elas, usando critérios de viabilidade técnica, econômica, política, etc. Isto nos conduz a um processo de eliminações sucessivas, até restar uma única ideia.

Pode ser um grande erro, pois estaremos usando um critério único para comparar coisas diferentes. Este erro pode nos levar a transformar uma riqueza de ideias numa pobreza de opções constituída somente pelas ideias mais triviais e conservadoras, ou por ideias muito visionárias e impraticáveis. Antes de comparar, classificar as ideias, agrupando-as segundo o grau de inovação e de facilidade de execução, desprende o conceito obrigatório da forma.

Em seguida, comparar entre si as ideias de uma mesma classe, selecionado as melhores de cada grupo, aperfeiçoa o sentir. Ao final você terá um conjunto de boas ideias representando diversos graus de inovação, desde as mais triviais às mais visionárias. 

Você gostaria que algo que estimulasse sua mente a buscar o novo, o diferente?